Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mimindo

>> sábado, 22 de novembro de 2008

Quem acompanha esse blog já viu esse slide por aqui, mas resolvi postar de novo porque é engraçado =D

Da série "Durmo em qualquer lugar, de qualquer jeito"




E agora dois vídeos da Karina. Quem é meu contato no orkut já deve ter visto também.






Não sou má. Qual a graça de ter filhos se não podemos nos divertir um pouco com eles? =p
Qual será a reação dessas meninas quando crescerem e puderem entender o que foi postado aqui :o)

Read more...

Inverno antecipado

>> sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Falta 1 mês para terminar o outono e de madrugada está a -1º C. Este ano o inverno promete ser rigoroso.
Por causa desse frio todo minhas plantas "queimaram" e murcharam. Engraçado é o tomateiro que está inteiro murcho com um monte de tomates pendurados que crescem e amadurecem.
Nessa crise que estamos passando, com o Helio sem zangyou e tendo finais de semana prolongados o salário dele vem uma miséria. Nem recebeu e já está faltando grana. Então o jeito é economizar pra diminuir as contas.
Fazendo de um tudo pra não ligar o ar condicionado coloco um monte de roupas nas meninas pra que não passem frio. Outro dia Karina, mesmo de blusão, estava com os lábios roxos de noite. Fiquei assustada e enfiei dentro da banheira com água bem quentinha. Coitada, saiu do banho cor-de-rosa, passei um monte de hidratante pra não ressecar a pele dela e além de botar um monte de roupas tive que ligar o ar quente porque logo ela começava a ficar geladinha. Durante o dia até dá pra agüentar, já que bate um solzão da janela e esquenta um pouco a casa, mas de noite não tem condições, podemos estar bem agasalhados e não estarmos com frio mas como o ar está gelado, o nariz, as orelhas, o rosto, enfim, a cabeça fica geladinha. Converso com o Helio e parece que estou fumando tanta fumaça que sai da minha boca... afff... Fala sério. Parece no começo do ano quando a água congelou nos canos e não dava nem pra dar a descarga quando usávamos o banheiro.
Pra ver se dava uma esquentada aqui fui fazer um quentão. Comprei gengibre, canela em pau, cravo, limão, laranja e maçã. Queimei o açúcar e fui juntando os ingredientes. Normal. Na hora de colocar a pinga... Cadê minha garrafa? Esqueci que tinha acabado. Que raiva! Mas como nada aqui é perdido fiz vinho quente mesmo, já que vinho sempre tem aqui pra temperar as carnes =p Não era o que eu queria tomar mas deu um calorão =D

Read more...

Você acredita em fadas?

>> terça-feira, 18 de novembro de 2008

Você já parou pra pensar no brilho da natureza?
Quem dá luz e cor às temporadas com tanta beleza?
Quem ajuda as criaturas pequenas e grandes a andar, nadar e voar?
Quem cuida de detalhes tão pequenos?
Você pode vê-las se tentar. É tudo obra das fadas, mesmo que elas fiquem bem escondidas.
E na primeira vez que um bebê ri a vida de uma fada começa.

É assim que começa o filme : Tinker Bell - Uma Aventura no Mundo das Fadas.
Assisti essa animação hoje e amei. O filme mostra o nascimento da fada Sininho e no começo ela está com os cabelos soltos, com um vestido branco que pouco valoriza suas curvelíneas formas e aqui ela fala (e muito).

Como qualquer desenho da Disney é tudo coloridinho e muito cute. Tem uma mensagem de fundo moral, falando da inveja, soberba, despeito e valorização pessoal.


"Nascida do riso, vestida de alegria
A felicidade trouxe você neste dia"

E você, acredita em fadas? Se não quiser deixá-las morrer bata palmas. Bata com muita força... (in Em Busca da Terra do Nunca)

Read more...

Filme velho

>> segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Voltando do final de semana renovada. Consegui finalmente enterrar alguns fantasmas que eu não queria aceitar. Nada como o esclarecimento para serenar nosso coração...
Sinto que minha alma está em silêncio. Atingi uma paz que há muito tempo procurava.

Hoje assisti um filme chamado Jumanji. É meio velho, de 1995, mas eu não conhecia. Aliás nunca tinha ouvido falar. Resolvi assistir porque é com o Robin Willians e eu adoro esse ator. Acho que me apaixonei por ele em Sociedade dos Poetas Mortos e gosto de assistir tudo o que ele faz. Desde as comédias, dramas e principalmente os infantis. Menos o Popeye, aquele filme foi horrível até mesmo para quem é fã do cara. Já assistiram Amor Além da Vida? É lindo!

Acho que poderia classificar o filme como infantil ou infanto-juvenil. Gostei. Assisti sem ler sinopse nem nada e no começo achei que fosse de terror , fiquei um pouco assustada porque não gosto desse tipo de filme, mas não. Filminho leve, é uma aventura engraçada e bem fantasiosa.
Se quiserem saber sobre o filme achei no Wikipédia. Recomendo ;)

Read more...

Uma homenagem

>> sábado, 8 de novembro de 2008

Há uns 2 anos escrevi um post sobre uma moça que veio me procurar depois de vir visitar o Fragmentos. Com filhos da mesma idade ela quis desabafar comigo. Fiquei muito feliz e com um peso enorme na consciência pela minha falta de paciência com a Melissa.

Meu anjo, você estava doente e eu orei tanto, pois ver nossos pequenos adoentados é a pior coisa do mundo.
Sua jornada foi dura, preso a um corpinho debilitado que limitava seus movimentos você lutou bravamente, mas depois de uma árdua batalha com muitas internações e transferências hospitalares, a exatamente um ano a doença venceu, você não resistiu... Nada escrevi aqui porque fiquei chocada demais e só sabia chorar. Hoje sei que está em um lugar onde a dor já não existe e você pode finalmente correr, pular, brincar, até voar. Acredito que anjos voam. E você virou um lindo anjinho alado.
A saudade que ficou é grande demais e por vezes insuportável, pois hoje você trilha por caminhos que não podemos alcançar... não por enquanto... Siga seu caminho com a mesma dignidade que nos mostrou ter aqui.
Fique em paz Daniel. Cuidaremos de sua mãe, dessa dor que não passará nunca, dessa saudade que aumenta com o tempo e tentaremos preencher os braços que ficaram vazios de seus abraços...
Força Gi. Te amo!


Se você quiser saber a história desse menino lindo entre na comunidade que sua mãe abriu para homenageá-lo. E se puder acenda uma vela em seu altar virtual.

* Fotos, links e nomes divulgados com a devida autorização de sua mãe Gislene Gottardi. As fotos peguei de seu álbum do Orkut.

Update: Vi agora que a Gislene reabriu o blog que ela tinha deletado. Façam uma visitinha, deixem seu carinho:
Meu filho, minha vida!

Read more...

Hoje é dia de Cecília

>> sexta-feira, 7 de novembro de 2008



Photobucket

Ou isto ou aquilo
Ou se tem chuva ou não se tem sol,
ou se tem sol ou não se tem chuva!

Ou se calça a luva e não se põe o anel,
ou se põe o anel e não se calça a luva!

Quem sobe nos ares não fica no chão,
Quem fica no chão não sobe nos ares.

É uma grande pena que não se possa
estar ao mesmo tempo em dois lugares!

Ou guardo dinheiro e não compro doce,
ou compro doce e não guardo dinheiro.

Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo...
e vivo escolhendo o dia inteiro!

Não sei se brinco, não sei se estudo,
se saio correndo ou fico tranqüilo.

Mas não consegui entender ainda
qual é melhor: se é isto ou aquilo.

Meu primeiro contato com o mundo de Cecília Meireles aconteceu quando estava no 3º ano do primário. Minha professora era fã incondicional da poetisa e nos mostrou o poema acima. Com 8 anos não entendi nada e achei uma poesia sem sentido. Mas Dona Iracema insistiu comigo e me trouxe o "Colar de Carolina"
Com seu colar de coral,
Carolina
corre por entre as colunas
da colina.

O colar de Carolina
colore o colo de cal,
torna corada a menina.

E o sol, vendo aquela cor
do colar de Carolina,
põe coroas de coral
nas colunas da colina.

Não sei o que deu em mim, lembro que me senti como em uma montanha-russa subindo e descendo no ritmo do poema e lembro que fiquei literalmente mareada (gente sugestionável é o Ó). Nova tentativa e ela me trouxe "A Bailarina"
Esta menina
tão pequenina
quer ser bailarina.

Não conhece nem dó nem ré
mas sabe ficar na ponta do pé.

Não conhece nem mi nem fá
mas inclina o corpo para cá e para lá.

Não conhece nem lá nem si,
mas fecha os ohos e sorri.

Roda, roda, roda com os bracinhos no ar
e não fica tonta nem sai do lugar.

Põe no cabelo uma estrela e um véu
e diz que caiu do céu.

Esta menina
tão pequenina
quer ser bailarina.

Mas depois esquece todas as danças,
e também quer dormir como as outras crianças.
Amei!!! FINALMENTE consegui entender sua leveza e musicalidade.
Dona Iracema foi minha grande incentivadora à leitura. Ela percebeu que eu gostava de ler e me presenteou com vários livrinhos da Edições Ouro. Nem sei se ainda existem, mas eram livros de bolso com estórias leves e estimulantes. Por conta disso tinha uma coleção respeitável desses livros. Mais tarde comecei a colecionar a Coleção Vagalume da Editora Ática, quem nunca precisou ler O Caso da Borboleta Atília ou O Escaravelho do Diabo no ginásio?
Bom, ela me deu o livro Ou Isto ou Aquilo e eu lembro de ter ficado dias e semanas dormindo com o dito debaixo do meu travesseiro pra ver se decorava os poemas que estavam ali escritos =p Técnica besta que eu li não lembro onde e sempre utilizava antes das provas. Claro que nunca deu resultado se eu não pegasse os livros pra estudar de fato.
Apesar de gostar muito de seus poemas, percebi que nunca parei pra ler sua biografia e hoje vi no blog da Luma Rosa que ela nasceu dia 7 de novembro de 1901 e faleceu dia 9 de novembro de 1964, apenas 2 dias depois de seu aniversário. E só agora me ocorreu que o livro Ou Isto ou Aquilo, que foi publicado em 1964, foi um dos últimos que ela escreveu.
Queria ter feito um post mais elaborado, ela merece uma coisa melhor do que um post escrito às pressas, mas eu simplesmente tinha me esquecido (essa eterna mania de adiar as coisas), só quando vi o blog da Luma que vi que o tempo passou e eu não tinha nada preparado =/
Encontrei uma biografia no Releituras pra quem quiser ver. Ou basta dar uma sapeada por aí que tem um monte de gente participando dessa blogagem coletiva com textos bem melhores do que o meu.
Esta blogagem foi elaborada por Leonor Cordeiro, visite o Na dança das palavras que tem uma lista dos participantes.

Read more...

Post diabético

>> quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Hoje me lembrei de uma confeitaria que costumava passar quando estava no ginásio. Tinha bolos e doces da melhor qualidade, uma delícia. Ficava na Mooca, chamava-se Di Cunto. Pesquisando na net, vi que ainda existe e fiquei com mais vontade ainda de comer novamente aquelas maravilhas.
Aí a memória começou a puxar outras imagens, como quando eu ia ao shopping e batia ponto na Brunella comprar um pedaço de bolo floresta negra. Ou quando TINHA que trazer pra casa um pedação de pavê de chocolate branco do Amor aos Pedaços.
...
Vou lá bater um bolo e fazer um recheio beeeeem caprichado pra enganar as bichas que estão pulando dentro da barriga (não, não é um bebê).
Aliás, fui comprar leite condensado e não é que o bendito está mais caro? Costumava pagar Y 205 a lata, agora subiu pra Y 290 @_@ Que absurdo!!! O jeito é começar a fazer o caseiro. Andei experimentando e até que dá certo e nem dá tanto trabalho assim.
Até quando vai essa crise? Devo acreditar que Obama vai conseguir fazer algum milagre? Desde quando eu acredito em políticos? Prefiro acreditar em Papai Noel, Coelhinho da Páscoa, cegonha...

Read more...

Casa nova

>> quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Já que não consigo me mudar daqui pelo menos o template do blog eu mudo. Finalmente mudei. Vi que a Adriana tinha mudado e fui xeretar o site. A-ME-I!!!! Encontrei o template que estava procurando desde sempre. Aliás, achei um monte que gostei e já tratei de começar a mudar todos os meus blogs.
Bom, só vim avisar da mudança no visu mesmo =p
Aos poucos vou colocando todas as coisas em ordem. E é isso que demora...

Read more...

Sobre prêmios fantasmas e bolos

>> segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Outro dia reclamei que não tenho sorte em encontrar dinheiro, mas eis que o dinheiro veio ao meu encontro =p
Recebi o seguinte email:

Preciso clicar no link lá embaixo pra receber meus R$50.000,00. E parece q ue só eu não recebi o prêmio ainda. É claro que foi deletado mais rápido do que um piscar de olhos. Cada uma que tenho que ler. Ontem foi a vez de receber um email avisando que meu Hotmail foi cancelado e se eu quisesse habilitá-lo novamente deveria clicar em um link. O interessante foi ter recebido o dito email no Gmail. Cada uma ²...

Quem convive comigo deve estar cansado de me ouvir falar que quero voltar a pegar encomendas de bolos apesar do Helio ser contra. Vamos ver se consigo convencê-lo a me deixar fazer. Tá, até concordo com ele em muitas coisas: não temos espaço aqui em casa, a casa fica uma zona enquanto tenho que parar pra fazer os bolos, meu estresse fica nas alturas porque Melissa fica super malcriada querendo muita atenção. Mas é uma ajudinha que poderia dar nas finanças aqui, já que a situação tá mais do que preta.
Ontem fiz o bolo da festa do Guilherme. Achei que ficou tão bonito apesar de eu detestar pasta americana e glacê. Mil vezes o chantilly gorduroso e hiper calórico. Amo, acho uma delícia. Mas visualmente falando, nada supera um bolo enfeitado com pasta americana.

Aqui ainda faltam as abelhinhas que iam ficar espetadas nas pontas do arame. As abelhas estavam com a Ju e ela colocou quando levou o bolo para o salão.
Agora os detalhes dos enfeites:

Todos feitos de pasta americana, menos o Pooh que foi feito com doce de leite ninho. O Tiger está manchado porque Melissa mexeu nele logo que terminei de pintar as listras. Infelizmente não tinha tempo pra fazer outro e acabei entregando assim mesmo. Adorei modelar esses bichos e uma dica pra quem pretende fazer igual. Modelar doce de leite ninho é infinitamente mais fácil do que modelar pasta americana.
Agora o bolo que fiz para o Guilherme comemorar o aniversário no dia certinho. Sim, é do Pooh também =p

Foi uma dificuldade desenhar o Pooh, tinha feito um molde mas na hora que tirei não ficou legal, grudou toda a cobertura atrás e desfez todo o contorno que eu tinha feito. Tive que desenhar à mão livre com um palito de dente e depois fazer o contorno com chocolate derretido. Imagina a dificuldade desta que aqui escreve que não consegue fazer um desenho decente no papel, foi um super desafio desenhar com o chocolate, mas gostei do resultado, acho que não ficou tão torto assim.
Uma dica: Antes de me aventurar a desenhar no bolo li muitas dicas por aí e o povo fala pra fazer um cone com papel manteiga e colocar o chocolate derretido e ir contornando o desenho. Foi o que fiz, mas pra quem não tem prática essa técnica é um desastre total. O buraquinho vai aumentado e aos poucos o contorno vai ficando cada vez mais grosso, fui tentar arrumar e acabei alargando mais e conseqüentemente saiu um montão de chocolate pelo buracão e manchou uma boa parte do bolo. Arrumei o buraco e voltei a contornar. Aí ficou esquisito porque o contorno que estava ficando grosso de repente ficou fino novamente. Então a minha dica é, use saco de confeitar e bico perlê (aquele redondinho). Dá um pouco de trabalho pra lavar depois mas é bem melhor. Tentar fazer as coisas sem querer sujar mais coisas acaba resultando exatamente o contrário. Além do bolo estragado, sujei a mesa, a pia, o chão e a roupa porque escorreu além do avental e manchou minha calça. Com o bico perlê foi muito mais rápido e mais limpo.

Gostei tanto desse bolo que vou mostrar por outro ângulo =p Foi trabalhoso também porque preenchi a parte de cima com bico pitanga nº 6 (beeem pequenininho)

Nessas experiências descobri que o importante não é nem saber fazer as coisas com perfeição, é saber como disfarçar as imperfeições =D
Se não nos afobarmos conseguimos enxergar soluções para que ninguém perceba onde você cagou. Como por exemplo, pra disfarçar o contorno borrado a solução foi colocar a cobertura por cima do chocolate. Outro, a pasta americana acabou rachando e como abri torto, algumas partes ficaram sem a pasta. Nunca tinha feito um bolo tão grande, perdi completamente a noção de como fazer as coisas. Tive que remendar onde ficou sem e mesmo dando uma alisada ficou algumas rachaduras. O jeito foi encher de flores nas falhas, as hastes das flores foram tampando as rachaduras e emendas e as flores tapando os eventuais buracos. No final todo mundo achou lindo e ninguém percebeu o que eu fiz.
Coisas que só pondo a mão na massa pra saber que acontecem.
Vou dar uma sumida básica pra por a casa em ordem. A casa inteira está doce e melecada por conta da grande quantidade de açúcar que andei mexendo esses dias. Fora a grande quantidade que Melissa conseguia espalhar por aqui. Estou também dando uma geral nas roupas delas. Tem muita coisa que já está pequena na Karina e mesmo as roupas que eram da Melissa e servem na Karina, tem coisa demais, não dou conta de usar tudo na Karina. Vou dar pra algumas amigas. Já me livrei da minha coleção de Poohs. Deu um aperto no coração quando vi a Silvana levar os sacões mas o Helio já estava disposto a jogar tudo no lixo mesmo, melhor dar pra quem se interessar. Ela pelo menos vai poder usar pra decorar as festas dela.
Depois coloco um vídeo mostrando as coisas que Karina aprendeu a fazer. Essa menina é tão esperta, o peito dessa mamãe babona estoura de tanto orgulho.
Outra coisa que vai me deixar off são encomendas de nengajous (cartão postal de ano novo) e calendários. Até conseguir entregar tudo vou estar um pouquinho ocupada portanto não estranhem se eu demorar novamente pra voltar.

Read more...

Dinheiro no lixo

>> quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Fortuna é encontrada no lixo

Trabalhadores encontram 6,85 milhões de ienes em estação de reciclagem.

PS 1: Por que eu não tenho essa sorte?
PS 2: Será que eu teria coragem de me apoderar do dinheiro?
PS 3: Será que pega alguma coisa se eu me apresentar como dona da fortuna?
PS 4: Devo parar de fantasiar e voltar à realidade. Minha dura e doce realidade =D

Read more...

Dandando...

Meu bebê andou! Meu bebê andou! Meu bebê andou! Meu bebê andou!
De lado feito um siri mas andou da mesa até o meu computador (uns 5 ou 6 passos). Com passos incertos e dando uma longa pausa entre cada passo. Se equilibrando como quem virou uma garrafa de vodca no gargalo... mas KARINA ANDOU sem se apoiar em nada e nem em ninguém e eu estou super-hiper-mega-ultra-extra-feliz, dá licença.

As duas estão me deixando de cabelos em pé. Daqui a pouco estou careca de cabelos brancos. Entendeu? Nem precisa, não estou preocupada em ser coerente agora. Estou é podre. Melissa passou a noite em claro e eu acabei dormindo junto com Karina. Dava vários cochilos na verdade, porque não tem como conseguir dormir se meu furacão está acordada. Ontem foi a mesma coisa, consegui fazer as duas dormirem razoavelmente cedo. Fiz as duas rezarem para o anjo da guarda delas, com direito a velas acesas e copo d'água em frente à imagem de São Cosme e São Damião. Engraçado que deitei no meio das duas e Karina logo agarrou minha orelha e fechou os olhos. Melissa demorou mais um pouco mas ficou quietinha abraçada comigo e logo fechou os olhos também. Mas para minha tristeza, às 3 da madruga Melissa, que teve um pesadelo, acorda chorando e gritando muito. Peguei no colo e consegui acalmá-la, mas infelizmente seus gritos acabaram acordando Karina lá pelas 3 e meia. E a baixinha ficou acordada desde então, totalmente desperta, acesona e pentelha. Ela olhava pra Melissa dormindo e ia enfiar o dedo no nariz da irmã. Melissa nervosa virava para o outro lado, lá ia a pentelha puxar os cabelos da Melissa. Se as duas acordassem, aí eu ia tá ferrada mesmo, fiquei ali "tentando" fazer Karina dormir novamente sem sucesso porque meu despertador tocou antes. Tristeza...
Com o movimento na casa Melissa acabou acordando também, super mal humorada. Depois que o Helio foi trampar tentei fazer com que dormissem mais um pouco. Deitei... e... dormi. Mas as duas continuaram acordadas. Quando acordei estavam as duas comendo chocolate. Melissa pegou os canudos que eu fiz antes de ontem e dividiu com a Karina. Elas estavam com chocolate até nas orelhas... Aphe...
Tirei foto mas estourou e não dá pra ver direito, fora que Melissa escondia o rosto com as mãos.

Aqui os canudos trufados que eu fiz. Para ver a receita é só clicar na foto.


Quando acordei hoje de manhã, Melissa estava só de fralda e com uma echarpe no pescoço dançando e cantando Soco, bate, vira(Xuxa). Mereço =D

Read more...

Mangatar

>> domingo, 26 de outubro de 2008

Vi um monte de gente com uma avatar super cute e não sabia onde fazer. Procurei em uma porrada de sites, mas foi no blog da Sam Shiraishi que finalmente consegui.
Face Your Manga
O meu é esse.

Tá, tá... Não se parece comigo, mas qual o problema em fantasiar um pouco? =P

Read more...

Eu queeeeeeeeeero

>> sábado, 25 de outubro de 2008

Fazia um tempinho que procurava uma wish list que não estivesse ligada a alguma loja, estava difícil e acabei fazendo uma mini lista (com 2 ítens) no Kaboodle mas acabou ficando lá abandonada =P
Achei o Wishlistr e gostei. Só falta uma imagem dos objetos desejados, mas não se pode ter tudo, não é? Principalmente quando é serviço gratuito.
Agora, está aqui minha Wish list com alguns artigos que quero demais, apesar de não ter esperança de ter condições de comprar muita coisa, não custa sonhar, não é?
My wishlist

Read more...

Cenas

>> sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Sempre posto assustos atrasados. Isso aconteceu semana passada e só agora lembrei de escrever sobre ele.
Estava eu deitada e dormindo, eram 11:30, um pouco antes do almoço. Tinha levantado às 6 pra fazer o café e o bentô do Helio, ele saiu e eu voltei a deitar, afinal as meninas passaram a noite inteira acordadas me forçando a ficar acordada com elas.
Tocou a campainha e ainda fiquei um tempo pensando se atendia ou não. Resolvi levantar e só ajeitei meu cabelo antes de abrir a porta.
Manja aquela cara acabadona, inchada e os olhos que não conseguem ficar abertos por causa da claridade?
Então, eu nesse estado de Cinderela depois do baile, dou uma bela olhada no cara que veio atrapalhar meu descanso. Meu, ele era a cara do Kane Kosugi (leia Kossugui), tinha a altura do Kane Kosugi, o sorriso do Kane Kosugi, super educado e liiiiiiiiiindo! Era o representante de um salão de estética que abriu perto da prefeitura. E eu ali toda amassada, com os olhos lacrimejando por causa do sol que batia diretamente na minha cara, só não estava descabelada porque tinha prendido antes de atender a porta.
Por que a gente acaba relaxando depois que tem filhos? Preciso me cuidar mais, emagrecer, cuidar da pele, cuidar dos cabelos (pelo menos o suficiente pra não parecer avó de ninguém). Não digo isso porque queria impressionar o cara, mas é que só depois que fechei a porta que percebi o quanto tenho cuidado pouco de mim. Apesar de me sentir bem do jeito que estou, não vai me fazer mal nenhum alguns cuidados básicos, não?
Quer saber quem é Kane Kosugi? De acordo com o que consegui pesquisar o nome completo é Kane Takeshi Kosugi, nasceu em Los Angeles em 11/10/1974, mede 1,81 m e pesa 75 kg. Filho de pai japonês (o ator/dublê Sho Kosugi) e mãe taiwanesa (é assim que se escreve?).
Atuou em várias novelas e filmes daqui do Japão. Fez alguns comerciais que exploraram o porte atlético e atualmente pode ser visto diariamente no programa 'Karada de asobou' junto com crianças no canal NHK às 7:30 e 17:00 (reprise).
Apesar de filho de japonês nasceu e foi criado fora daqui, portanto com costumes diferentes daqui. Uma vez o vi em um programa onde leram uma carta da única irmã dele e ele chorando olha pra câmera e solta: I love you! Não é lindo?
Site oficial: Kane Kosugi - Official web site


Read more...

Música no blog

>> quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Resisti o máximo que pude mas acabei entrando no Blip. Ele é viciante e tenho que tomar cuidado pra não passar o dia inteiro procurando músicas nele. Nunca quis entrar nessas rádios, resisti ao Last fm e tantos outros que vi por aí, entrei no Imeen porque dava pra colocar um player aqui no blog pras músicas que eu quisesse, mas o lay parecidíssimo com o Twitter me seduziu e resolvi deixar a frescura de lado e aderir.
Aí do lado tem uma janelinha com a última música que estou ouvindo, basta clicar no logo ou no meu nome que você será direcionado para a minha lista completa ou pode ouvir apenas a música clicando em play.
Quem me conhece sabe que minha vida tem trilha sonora. Muitas vezes acontece de não lembrar direito o rosto das pessoas mas lembro exatamente o que estava ouvindo naquela época. Músicas me marcam muito, me transportam para um passado que muitas vezes pode não ser o que gostaria que tivesse sido mas me traz uma saudade boa. Talvez por isso goste tanto de ouvir músicas antigas.
Bom, o que eu queria dizer é que experimentei entrar e recomendo ;)

Read more...

Negativo

>> quarta-feira, 22 de outubro de 2008


Esse post é pra todos que ficam me perguntando se estou grávida. Não gente, tenho me cuidado pra não embuchar. Pra desencargo de consciência resolvi fazer o teste. Negativíssimo.
Agora fiquei deprimida. Além de não vir um baby (apesar da nossa falta de condições eu ficaria feliz pacarái) isso significa que estou gorda pra caramba e preciso de um regime urgente.
Estou me sentindo um caco agora: gorda e velha. Lembrei que um tempinho aí um japa me perguntou se eu era avó do Matheus. Putz... acabou comigo...
:ó( :ó( :ó( :ó( :ó(
Buááááááá!!!!

Read more...

Blogosfera

Ontem tomei vergonha na cara e reservei umas horinhas do meu dia pra visitar os blogs dos amigos e deixar um comentário, visto que muitas vezes ia ler e não comentava. Esvaziei meu Google reader já que tinha uma porrada de blogs de scraps que já não me interessam tanto, ou melhor, continuam me interessando mas não tenho tempo pra procurar por freebies e estou com pouquíssimo espaço nos meus HDs, melhor nem saber o que está rolando por aí.
Como eu já imaginava, gastei mais tempo do que o programado, ainda mais depois de tanto tempo sumida da blogosfera. Passou o Blog Day e eu neeeeeeeem lembrei, passou o aniversário de gente querida e eu não lembrei, revi como eu gostava de certos blogs, como eu me divertia com os textos de algumas pessoas, matei saudades, muitas saudades. Pena não ter conseguido comentar em alguns, ou melhor, não consegui comentar nos blogs do Uol, digitava o código lá e dava erro, tive que digitar umas 20 vezes e nada, dei um tempo. Depois de 2 horas voltei e tentei novamente, continuo não conseguindo. Então aqui fica o recadinho, não me esqueci de vocês, apenas não consigo comentar.
Totalmente por fora do Scrap World descobri vários termos novos sendo usados e já vou inaugurar um aqui no Fragmentos. Recebi um RAK* da Luciana já faz um tempinho e sempre esqueço de colocar aqui pra exibir a arte dessa amiga tão querida e talentosa.


* RAK = Random Act of kindness - que significa um ato gentil ou um gesto de generosidade.

Quer saber mais outras abreviaturas usadas em fóruns de digiscraps? Clique aqui.

Read more...

A Ordem de Nascimento

>> terça-feira, 21 de outubro de 2008

O que vestir

1º bebê – Você começa a usar roupas para grávidas assim que o exame dá positivo
2º bebê – Você usa as roupas normais o máximo que puder
3º bebê – As roupas para grávidas SÃO suas roupas normais

Preparação para o nascimento

1º bebê – Você faz exercícios de respiração religiosamente
2º bebê – Você não se preocupa com os exercícios de respiração, afinal lembra que, na última vez, eles não funcionaram
3º bebê – Você pede a anestesia peridural no oitavo mês

O guarda-roupas

1º bebê – Você lava as roupas que ganha para o bebê, arruma de acordo com as cores e dobra delicadamente dentro da gaveta
2º bebê – Você vê se as roupas estão limpas e só descartas aquelas com manchas escuras
3º bebê – Meninos podem usar rosa, né?

Preocupações

1º bebê – Ao menor resmungo do bebê, você corre para pegá-lo no colo
2º bebê – Você pega o bebê no colo quando seus gritos ameaçam acordar o irmão mais velho
3º bebê – Você ensina o mais velho a dar corda no móbile do berço

A chupeta

1º bebê – Se a chupeta cair no chão, você guarda até que possa chegar em casa e fervê-la
2º bebê – Se a chupeta cair no chão, você a lava com o suco do bebê
3º bebê – Se a chupeta cair no chão, você limpa na camiseta e dá novamente ao bebê

Troca de fraldas

1º bebê – Você troca as fraldas a cada hora, mesmo se elas estiverem limpas
2º bebê – Você troca as fraldas a cada duas ou três horas, se necessário
3º bebê – Você tenta trocar a fralda antes que as outras crianças reclamem do mau cheiro

Atividades

1º bebê – Você leva seu filho para as aulas de musicalização para bebês, teatro, contação de história...
2º bebê – Você leva seu filho para as aulas de musicalização para bebês
3º bebê – Você leva seu filho para o supermercado, padaria...

Saídas

1º bebê – A primeira vez que sai sem o seu filho, liga cinco vezes para cada para saber se ele está bem
2º bebê – Quando você está abrindo a porta para sair, lembra de deixar o número de telefone de onde vai estar.
3º bebê – Você manda a babá ligar só se ver sangue

Em casa

1º bebê – Você passa boa parte do dia só olhando para o bebê
2º bebê – Você passa um tempo olhando as crianças só para ter certeza que o mais velho não está apertando, beliscando ou batendo no bebê
3º bebê – Você passa um tempinho se escondendo das crianças

Engolindo moedas (a melhor)

1º bebê – Quando o primeiro filho engole uma moeda, você corre para o hospital e pede um raio-x
2º bebê – Quando o segundo filho engole uma moeda, você fica de olho até ela sair
3º bebê – Quando o terceiro filho engole uma moeda, você desconta da mesada dele

Por isso que a fábrica aqui fechou. Se com a Karina já relaxei total, imagina se tiver mais um. Coitado dele.

* Recebido por email. O original em inglês está aqui.

Read more...

Simplicidade de uma mulher madura

Adorei esse texto, pena não saber o autor, ou melhor, a autora =p

Quando tinha 15 anos, esperava um dia ter um namorado… seria bom se fosse alegre e amigo…

Quando tinha 18 anos, encontrei esse garoto e namoramos; ele era meu amigo, mas não tinha paixão por mim.
Então percebi que precisava de um homem apaixonado, com vontade de viver, que se emocionasse…

Na faculdade saía com um cara apaixonado, mas era emocional demais.

Tudo era terrível, era o 'rei dos problemas', chorava o tempo todo e ameaçava suicidar-se.
Descobri então, que precisava de um rapaz estável.

Quando tinha 25 anos encontrei um homem bem estável, sabia o que queria da vida; mas era muito chato: queria sempre as mesmas coisas dormir no mesmo lado da cama, feira no sábado e cinema no domingo.
Era totalmente previsível e nunca nada o excitava.
A vida tornou-se tão monótona que decidi que precisava de um homem mais excitante.

Aos 30, encontrei um tudo de bom, brilhante, bonito, falante e excitante, mas não consegui acompanhá-lo. Ele ia de um lado para o outro, sem se deter em lugar nenhum.

Fazia coisas impetuosas, paquerava qualquer uma e me fez sentir tão miserável, quanto feliz.
No começo foi divertido e eletrizante, mas sem futuro.
Decidi buscar um homem com alguma ambição para com ele construir uma vida segura.
Procurei bastante, incansavelmente…

Quando cheguei aos 35, encontrei um homem inteligente, ambicioso e com os pés no chão. Apartamento próprio, casa na praia, carro importado… Solteiro e sem rolos! Pensei logo em casar com ele. Mas era tão ambicioso que me trocou por uma herdeira rica…

Hoje, depois de tudo isso, gosto de homens com pinto duro… E só!
Nada como a simplicidade…

Ainda bem que descobri isso antes de completar 35 =D

Read more...

Economia de sílabas

>> segunda-feira, 20 de outubro de 2008

A gente acaba se acostumando com o vocabulário dos filhos mesmo quando estão falando errado ou comendo algumas sílabas. Somente ontem percebi que Melissa emenda tudo quando fala "Melissa safada", para ela vira "Melissafada". Será preguiça? Ou ela apenas não entende porque tem que repetir o "sa"?

Ontem Karina ficou em pé sem precisar de apoio. Agora só falta colocar um pezinho na frente do outro pra tentar andar. Fiquei chamando um pouco afastada pra estimular. A danadinha esticava o braço até perder o equilíbrio mas naaaaaada de experimentar dar um passo. Sem stress, sem pressa, ela começará a andar no tempo dela e quando isso acontecer tenho certeza que vou achar lindo mas morrer de saudades do tempo que ainda não andava =p


Estreiando o tênis novo.


Tão pequeno que cabe na palma da minha mão.

Read more...

Chá de bebê

>> domingo, 19 de outubro de 2008

Sempre me perguntei porque os nomes chá de bebê, chá de panela, chá de cadeira... Não tem sentido. Será que antigamente de tomava chazinho nessas reuniões? Porque hoje em dia o não se toma é chá, ainda bem porque sobra pra as muitas outras guloseimas gostosas e engordativas.
Ontem foi o chá de bebê da Mavel, até que ela não foi tão judiada assim, fora a toca de macaco que a Paula levou, ficaram com dó de pintá-la e o castigo mais meigo foi ter que beijar todo mundo.
Foi bem Clube da Luluzinha e os maridos não participaram, mas foi gostoso. Fiz um bolo coberto com pasta americana que ficou bonitinho mas não tirei foto =p
Ainda bem que não precisei pagar esse mico, mas o bom mesmo foi o chá da Rosângela onde o Akira pagou os castigos e a Rô errou absolutamente TUDO. Depois ela me contou que foi combinado com a amiga dela =D
Bom, Edu chegou depois que a Mavel abriu todos os presentes, mas ele não escapou de pagar o miquinho dele. Não dava pra passar sem, né.

Fui olhar o Fragmentos e vi que meu mural está zerado. Como assim cara-pálida? O que aconteceu com ele? Gente, não apaguei nada, não sei o que aconteceu, aparentemente a conta não foi cancelada porque ainda dá pra postar mensagens, mas foi tudo apagado. Que merda ter que usar serviços gratuitos é isso que acontece. Mas eles podiam pelo menos avisar antes de apagar, né. Nem sei desde quando está assim. Dureza ser pobre...
Falando em pobreza, hoje fomos xeretar uma construtora só pra ver como é feito o planejamento da compra de uma casa própria aqui. Acho que temos cara de pobre mesmo, o cara que nos atendeu apesar de ser super educado não nos deu muita bola, deve ter percebido que a gente não tem um puto furado, mas foi engraçado ficar lá com pose de quem vai comprar um puta casão, e nem é aqui, o Helio quer em Kanagawa, e eu prefiro em Aichi onde meu irmão mora. Se é pra fixar residência por aqui eu prefiro estar perto dele, normal não? E esses dois lugares são bem mais caros do que nesse interiorzão onde moro. Pegamos vários catálogos, bebemos café e viemos embora... kkkkk
Viemos tem acento? Acho que não, né. Já nem sei mais com essa reforma ortográfica tudo o que estudei já não vale mais. Uma bosta ter presidente anarfa, ele não sabe escrever e aprova uma lei onde muda tudo o que achávamos certo. Não que eu escrevesse ou falasse tudo certinho, mas na medida do possível, sim, eu tentava não cometer muitos erros. Agora sei que estou escrevendo um monte de coisas erradas. Agora faço parte dos trilhões de brasileiros escolarizados que escrevem errado. Era melhor ser como essas pessoas que falam pobrema, pelo menos ia continuar na mesma situação, errado por errado...
Sei que já passou faz tempo, mas lembrei de comentar somente agora =p. Ano passado foi um caos na cidade quando ia ter a corrida, talvez por ter sido o primeiro ano aqui e faltou um pouco de organização. Esse ano foi super tranquilo e se não fosse as bandeirinhas espalhadas pela cidade eu neeem ia lembrar dessa bendita.
Tinha conseguido arrumar um arubaito (bico) pra atender nas lojas dentro do autódromo, apenas 3 dias, fiquei super animada e de primeira o Helio tinha concordado em me deixar ir lá. Depois ele pensou direito e achou melhor eu desistir já que as meninas nunca ficaram longe de mim um dia inteiro, quem dirá então 3 dias. Apesar de meio frustrada desisti. Queria demais ir lá xeretar, afinal são apenas 3 dias. Apenas para mim, para o Helio 3 dias é muito. Divergências de pontos de vista, mais uma coisa onde homens e mulheres pensam de forma diferente. Quem sabe ano que vem =p

Read more...

Itai itai mimi*

>> sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Criança doente é uma bosta. Melissa tá ruim desde anteontem de noite. Ouvido inflamado e chorando muuuuuuuito. Pior que não toma remédio, tenho que misturar no leite com chocolate ou no yakult. E mesmo assim, ela sente que está diferente e leva séculos pra terminara de beber, isso quando não vai jogar na pia pra não ser forçada a tomar.
Ela estava bem o dia inteiro, tirou a sonequinha de tarde e acordou chorando com dor de ouvido. Pensei que fosse frescura, porque quando quer atenção começa a doer tudo nela. Basta dar um beijinho que a dor se transfere para outro órgão, até dor na língua ela já sentiu. Fiquei com ela no colo pra mostrar que eu me importo, que a amo, que AINDA sou a mãe dela, que estarei sempre perto quando precisar de mim.
Digo isso porque ultimamente Melissa anda com muito ciúmes da irmã. Quando acha que não estamos olhando ela bate, chuta, empurra, machuca mesmo. Karina anda com a cabeça roxa de uns tempos pra cá de tanto brinquedo que Melissa taca nela. Isso quando não bate com algum brinquedo, e sempre na cabeça. Melissa sobe em cima, pisa, pula. Sobe em cima do sofá (na parte do encosto) e pula em cima da Karina que está brincando no tapete, sobe em cima da estante e pula em cima da Karina, sobe na mesa e pula em cima da Karina...
Não sei mais o que fazer, já conversei, já briguei, já bati, já tentei dar mais atenção, brincar mais junto pra ela entender que Karina não tomou o lugar dela, mas Melissa continua machucando Karina... Difícil...
Por isso quando ela começou a reclamar que estava doendo o ouvido eu achei que era mais uma vez ela tentando chamar a minha atenção. Só que ela chorou muito, chorou demais e eu acabei ficando assustada e a levei ao médico.
10:30 da noite, Karina dormindo deixei com o Helio, levei minha baixinha em uma clínica de Susono (cidade vizinha). No carro ela ficou tranquila e foi cantando o caminho todo, quando estávamos chegando ela adormeceu, mas acordou assim que estacionei o carro. Estava super bem lá na sala de espera. E quando entramos no consultório, até o médico olhou pra ela e comentou que ela parecia estar muito saudável. Depois de explicar que ela estava chorando de dor de ouvido e que está gripada, ele enfiou um bagulho super comprido dentro do ouvido pra poder olhar lá dentro. Para que não se machucasse, pois começou a espernear, gritar, chorar e se debater, uma enfermeira imobilizou a cabeça enquanto eu estava encarregada de imobilizar as mãos e o corpo. Terrível ela começou a chutar o médico. Ainda bem que ele era muito bonzinho e paciente.
Olhou um lado, olhou o outro e quis olhar a garganta. Melissa cerrou os lábios de um jeito que não dava pra enfiar o palito. Apertei as bochechas dando uma forçadinha, ela abriu um pouquinho e o médico aproveitou pra enfiar o palito. Ela esperou ele se aproximar pra olhar e cuspiu na cara dele. Ainda bem que ele era muito bonzinho e paciente.²
Meu, que vergonha! Mas o médico nem ligou e continuou me explicando as coisas calmamente, coitado. O Helio diz que ele deve estar acostumado, e eu até concordo que não deve ser a primeira vez que isso acontece, mas acostumado ou não é uma situação desagradável e foi desagradável ver minha filha fazendo uma porcalhice dessas. Mas pelo menos ela não mordeu o dedo dele como meu irmão fazia =p
Ele me disse que é uma inflamação leve e que não preciso nem levar ao otorrino, mandou levar sexta ao pediatra que costumo levar. E ontem ela ficou boazinha, até limpou o chão onde Karina derramou água. Passou o dia inteiro bem, só deu trabalho pra tomar os remédios. Mas chega de madrugada começa a chorar de dor. Passei a noite inteira com ela no colo tentando acalmar e fazê-la dormir. Pelo menos dormindo ela não sente dor.
Era até engraçado se pensar bem, ela gritava, gritava, gritava e de repente dormia. Karina ali do lado nem se mexia.
E eu estou podre de tão cansada. Daqui a pouco vou levá-la ao pediatra. Espero que ele dê um jeito pra que ela não sinta mais dor. Me corta ainda mais o coração porque Melissa é resistente à dor e se ela está chorando de dor é porque deve estar doendo demais, tadinha...

*Dodói ouvido

Read more...

Template

>> quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Preciso mudar urgentemente... mas... e tempo? E disposição?

Read more...

TV

>> terça-feira, 14 de outubro de 2008

Esses dias estou assistindo bastante coisas no pc. A tv foi dominada pela Melissa faz tempo. Sempre posso assistir minhas coisas na tv, claro, mas eu prefiro deixá-la assistindo os desenhos dela e eu assisto o que quero no pc.
Ultimamente ela assiste muito Bob Esponja, Os Backyardigans, Lazy Town, Tom e Jerry, Pica pau, Popeye, História de bombeiros, Ben 10, Harry e o balde de dinossauros e Xuxa (sempre).
Repete infinitamente o mesmo vídeo o dia inteiro. Já sei até de cor as falas dos personagens... afff...
Ou como diz o Helio: Vai trabalhar e fica com a vozinha enjoada e desafinada da Xuxa nos ouvidos.
Karina ama os Backyardigans e a dupla Sandy e Junior cantando a música da aranha.
Mas não era isso que eu queria escrever (porque a gente acaba sempre falando dos filhos?). Assisti a novela Negócio da china pela primeira vez. Fala sério, que português é aquele, meu Deus? Que cara lindo!!!! Ai meus sais... Pena que não consigo acompanhar as novelas como gostaria (nem sempre os canais estão no ar), coisas de gente que não quer pagar a Globo Internacional e fica assistindo pelo SopCast, dependendo da boa vontade deles de deixarem os canais do Brasil no ar.
Sou noveleira assumida e prefiro nem começar, porque acabo viciando e não faço nada durante a novela.
Como já disse, viciei no My wife and kids, ainda estou na segunda temporada. E por falar neles, mudaram a atriz que faz a Claire, como pode...
Ainda assisti Kung Fu Panda e dei muitas risadas (Mega trailer aqui). Assisti também Meu Nome Não é Johnny, com Selton Mello. Que filme mais nóia, detestei.
Mas o top da lista foi Top Gun que achei no Emule. Nuooossa... Viajei no tempo. Lembro que me apaixonei pelo Tom Cruise nesse filme. Lindimais. Aliás, que adolescente não se apaixonou por ele depois de ver Top Gun? Assim como o Patrick Swayze em Dirty Dancing, apesar que adorei o filme, mas ele não me impressionou tanto assim.
Esses dias estava comentando com o Helio do seriado Chips. Tinha um homem com o capacete do Chips na locadora e o Helio reconheceu. Sinceramente, apesar de não perder um episódio não me lembrava dos detalhes do capacete, mas o Helio tinha um e reconheceu na hora.
Lembro de muita coisa, alguns episódios, mas o que mais me marcou foi que eu era apaixonada pelo Erik Estrada. Achava-o lindo! Hoje eu assisti a abertura no YouTube... Afff... Ainda bem que a gente evolui, não?


Read more...

Agora vai... acho...

>> segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Acho que Karina não demora muito pra começar a andar. Já fica um tempão em pé sem cair. O problema é a preguiça dela não a deixar dar um passo sequer.

Read more...

My wife and kids

>> domingo, 12 de outubro de 2008

Descobri essa série há pouco tempo e A-DO-REI. Como consegui viver esses anos sem sequer desconfiar que os Kyles existiam? tss tss tss...
Mais engraçado foi bem no dia que escrevi o post sobre tatuagem assisti um capítulo onde o Júnior faz uma tatuagem, ou melhor duas. E uma delas é um ideograma japonês e o Michael pergunta.
- Você fala japonês? Você lê japonês? Você entende japonês? Como pode saber que aí não está escrito "Meu pastel é mais barato"?
Adorei! Exatamente o que eu tinha acabado escrever. Sintonia total com o negão, careca e bonitão? Ou apenas coincidência? Ou apenas uma viagem da minha parte (mais provável que seja essa última).
Esses dias, descobri um blog onde tem uma porrada de séries antigas: Ilha da Fantasia, A Gata e o Rato (amava, baixei a série completa e já assisti tudo), Mulher Maravilha, Super Máquina, Manimal (morria de nojo), Perdidos no Espaço, Túnel do Tempo, Star Trek (o original), Jeannie é um gênio, A Feiticeira, Alf o ETeimoso, fora alguns desenhos, Manda-chuva, Pepe Legal, Os Jetsons, Os Flintstones... Gostar dessas velharias denuncia minha idade =p
Não apenas seriados nostálgicos, mas tem os seriados atuais, Lost, 24, Ghost Whisperer, Desperate Housewives, etc etc etc...

Preciso de mais um HD externo pra essas coisas... Haja DVD...

Uma canja dos melhores momentos que achei no Youtube (claro)

Read more...

Influências maléficas... ou não...

>> sábado, 11 de outubro de 2008

Melissa está com uma mania nojenta de passar a saliva em tudo: parede, tv, monitor, mesa, geladeira... tudo, exatamente TUDO recebeu uma demão de cuspe... ARGHHH...
Ontem antes de dormir estava ela quietinha sentada na cadeira. Muito quieta pro meu gosto, fui olhar. Ela estava com o ímã de geladeira, pintando a parte do ímã com a saliva. Aliás, pintando é pouco, estava aquele monte espumante em cima do ímã.
- Meliiiissa, por favor não faz isso. Credo!
Batendo continência:
- SIM SENHOR!
- ...

Não devia mas comecei a rir. Influências do Bob Esponja... Ai ai...

Falando em Bob Esponja me lembrei de um fato que aconteceu nesse tempo que sumi do Fragmentos. Teve o casamento de uma amiga. O Helio não queria ir à igreja porque tinha medo da Melissa não se comportar, a gente não conseguir segurar e acabar estragando a cerimônia.
Mas eu queria MUITO assistir a cerimônia e lá fomos nós pra uma igreja que nunca tínhamos ido. Nos perdemos e levamos um tempão pra conseguir encontrar o lugar (Porra de igreja mais escondida).
Estava marcado pra começar às 10:30 e já eram 11:00 e nada da gente encontrar, chegamos na dita às 11:30, ainda bem que o padre se atrasou também =p
Comecinho de setembro, um calor infernal e o padre chegou eram 13:00. E ainda tiveram que buscá-lo na estação... Afff...
Talvez por causa da demora, talvez por terem sido tiradas da cama muito antes do tempo costumeiro, talvez por causa do calor, ou tudo isso junto, o fato é que as meninas dormiram durante a cerimônia. O que foi uma bênção pra nós, por essas e outras que ainda acredito em anjos.
Só que na hora que o padre estava lá falando da importância da bênção de Deus em um casamento, de como é importante casar na igreja, como é importante ter Deus dentro do lar, blá blá blá, blá blá blá... Melissa acordou. Esperei que ela ficasse quieta até entender onde estava, mas ela começa a cantar bem alto:
- Bob Esponja calça quadrada, Bob Esponja calça quadrada, BÓOOOBIIII ESPONJAAAAAAA CAAAAAALÇAAAA QUADRAAAAAAAADAAAAAA...
Não consegui nem dar bronca :ó)


Read more...

Muito japonesa

>> sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Será que é porque completei 18 anos nessa terrinha?
Estava olhando minhas comunidades do Orkut: Ser Mãe no Japão, Cozinhando no Japão, Cultivando no Japão, Biscuit no Japão, Acessoria Consular no Japão, Kefir no Japão, Com saúde no Japão. Uma imaginação na hora de escolher o nome da comunidade pelos proprietários, não? E eu ainda vou e "participo" =p

Read more...

Meu Japão

>> sábado, 27 de setembro de 2008

Puxa, fiquei muito, mas muito feliz mesmo em ver que alguns amigos vem aqui mesmo depois de tanto tempo que eu sumi. Obrigada mesmo pelo carinho, isso me estimula a escrever. Sei que devo uma visitinha aos seus blogs e peço milhões de desculpas, vou lá bater meu ponto.
Tenho saudades da minha vida de blogueira. Não, não vou desistir do Fragmentos, apenas preciso de um tempo afastada de vez em quando. Apesar de querer contar as novidades das minhas meninas, exibir fotos delas e tudo o mais. Às vezes o blog me sufoca e eu preciso me afastar um pouco. Doideira, não?
Criei esse blog pra poder registrar minhas experiências como mãe. Não o divulguei no começo porque era apenas uma conversa entre mim comigo mesma. Abri para todo mundo poder ler porque a família, parentes e amigos no Brasil queriam notícias. Assim, eu precisaria escrever em um único lugar o meu dia-a-dia, colocar fotos, contar novidades sem que nenhum email ficasse perdido no meio do caminho. No final, a família nem entra aqui, os parentes... alguns..., amigos... também alguns... rsss... Meus freqüentadores na maioria são amigos que fiz na minha vida de blogueira, apesar de ver pelo IP dos visitantes que tenho (ou pelo menos tinha) leitores assíduos de certas regiões onde não conheço ninguém. Sim leitor você não é tão anônimo quanto imagina, posso não saber seu nome mas sei onde mora... Sinistro... Eu heim.
Será coincidência o email que recebi hoje da Gi? Ou coincidências não existem? Recebi em formato Power Point e achei o mesmo texto no Google (o que não achamos com ele?).

Amizades são feitas de pedacinhos


Lindo!!! É bem o que sinto. Meus amigos são super-hiper-mega-importantes em minha vida. Sejam amizades reais ou virtuais (como se amizades virtuais não fossem reais). Não gosto dessa maneira de diferenciar as pessoas que conheço pessoalmente ou só virtualmente uma vez que o carinho é o mesmo.

Ontem achei uns blogs de gente que mora aqui no Japão como eu. E em 2 tinha o mesmo assunto: Tatuagens. No Muito Japão do Karuzo ele fala de uma situação que eu enfrentei na pele. A proibição da entrada de pessoas tatuadas em alguns parques aquáticos, piscinas, etc. Na piscina em Fuji um senhor me intimou a colocar uma camiseta para cobrir a minha. Caso eu não tivesse nada que pudesse tampar, ele se dispôs a colar um tape para "esconder". Entre parenteses porque se eu me sujeitasse a isso tenho certeza que iria chamar muito mais atenção andando com um 'teipão' nas costas do que com minha tatoo que nem é tão grande assim. Apesar de já ter ouvido falar muito nisso nunca tinha enfrentado essa situação. Fiz academia, natação, tudo numa boa. O que não gostei foi ter sido alertada dessa forma se na entrada não havia aviso nenhum. Fora que eu entrei com camiseta regata e qualquer um na portaria poderia ter visto e me avisado que não podia. Mas... regras são regras e pra se ter um mínimo de organização elas são necessárias. Claro que obedeci e botei uma camiseta. Apesar disso o passeio foi muito gostoso, sim. Como já disse no post anterior.
Já no Meu Japão Karina Almeida fala da tatuagem da atleta sueca Linda Zublin.
Como eu conheço os dois kanjis (ideogramas) nem questionei que elas não "combinam" =p
Pelo menos em japonês essa expressão não existe. Agora no chinês... quem sabe...
Mas na minha opinião ela tatuou sem saber o significado verdadeiro, no caso dela, que não tem significado nenhum. Vejo muitos artistas que tatuam ideogramas japoneses apenas porque acharam legal, ou bonito, ou o tatuador falou que era uma coisa totalmente nada a ver. Lembro no começo da carreira do ator Paulo Vilhena. Na época ele tinha apenas uma tatuagem no tornozelo. Sim, um kanji. Questionado pela Xuxa, quando ele foi entrevistado no extinto Planeta Xuxa, ele explicou que o kanji signicava Deus dos Mares. Ela achou muito legal, mas quando a câmera focalizou a tatuagem, eu consegui ler :o) Era o kanji Nami que nada mais é do que 'onda'. Nada divino, nenhuma divindade e tão ligado às ondas do mar, quanto às ondas do som, freqüência, ou qualquer outra coisa que tenha onda. Deus dos Mares... tss tss...
Achei outros blogs interessantes:
A viagem de Shigues de Gabriel Fonseca Shiguemoto, pelas palavras dele: "Um blog sobre cultura, comida e curiosidades do Japão. Lugares, pessoas, costumes e outras coisas características desse país tão peculiar que todos adoramos. "
Nuno-san no Japão de Nuno Brito, um português muito bem-humorado que escreve muito bem. Adorei o blog, dei muitas risadas. Me lembrei dos tempos em que achava tudo diferente demais nesse país.
Viajar na viagem de Fernanda, uma brasileira que pelo que entendi dá aulas de português em Tokyo. Não li muita coisa, mas adorei o estilo.
Acho interessante blogs de gente que vive no mesmo país, e pelo que vi todos eles moram em Tokyo, outra realidade pra mim que moro no interior, numa cidade minúscula incrustada aos pés do Monte Fuji, onde nem depato tem mas tem um dos Outlets mais famosos do país. Vai entender, coisas de japonês.

Read more...

Atualizando

>> quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Tanto tempo sem postar, tenho milhões de novidades. Fotos então, nem se fala. Daqui a pouco esse meu "diário virtual" vai acabar virando anuário. Será que alguém vem aqui ainda? Mas agora acho que já dá pra atualizar mais vezes (assim espero).
Acabou o verão, desde ontem já é outono oficialmente. Oficialmente porque no Japão os Equinócios de Primavera e de Outono são feriados. Aliás já devo ter comentado aqui que acho os feriados desse país tão nada a ver. Acho que é questão de diferença cultural mesmo. Mesmo depois de 18 anos nesse país ainda não consigo entender certas coisas. Por exemplo, semana passada foi comemorado o Dia de Respeito aos Idosos, o próximo feriado que teremos será no dia 13 do mês que vem, Dia dos Esportes.

Um guia rápido dos feriados do Japão:

1 de janeiro: Confraternização Universal (Ganjitsu)
2ª segunda-feira de janeiro: Dia da Maioridade (Seijin no Hi) - antes era dia 15 de janeiro
11 de fevereiro: Dia da Fundação do País (Kenkoku Kinen no Hi)
20 de março: Equinócio da Primavera (Shunbun no Hi)
29 de abril: Dia do Verde (Midori no Hi) - antes era dia do aniversário do imperador da era Shouwa)
3 de Maio: Dia da Constituição (Kenpou Kinenbi)
4 de maio: Feriado da Nação (Kokukin no Kyujitsu)
5 de maio: Dia das Crianças (Kodomo no Hi)
20 de julho: Dia do Mar (Umi no Hi)
15 de setembro: Dia de Respeito aos Idosos (Keirou no Hi)
23 de setembro: Equinócio de Outono (Shuubun no Hi)
2ª segunda-feira de outubro: Dia dos Esportes (Taiiku no Hi) - antes era dia 10 de outubro
3 de novembro: Dia da Cultura (Bunka no Hi)
23 de novembro: Dia de Ação de Graças ao Trabalho (Kinrou Kansha no Hi)
23 de dezembro: Dia do aniversário do Imperador (Tennou Tanjoubi)

Se o feriado cair no domingo, é transferido para a próxima segunda-feira.
Tem os 3 feriados prolongados (muito esperados):
Do Ano Novo - mais ou menos de 29/12 ~ 05/01
Golden Week - mais ou menos de 29/04 ~ 05/05
Obon (Finados?) - geralmente a 2ª semana de agosto

Obviamente, tudo isso pra quem trabalha fora ou estuda. No meu caso, no meu serviço de mãe, esposa, dona de casa não tenho feriado. Tenho casa pra faxinar, tenho que cozinhar, lavar e passar roupa... Mas sabe, agradeço por ter essas coisas, significa que tenho família ;)

Passeamos muito nesse verão, acho que nunca aproveitamos tanto. Foi o debut da Melissa na praia. Ela amou apesar de ter medo. Isso porque a praia é artificial então nem onda tem. Mas sabe que eu prefiro assim mesmo, pelo menos evita que ela abuse, está sempre perto da gente.
Karina chorou no começo, acho que assustava o choque térmico do corpinho quente em contato com a água fria. Mas logo acostumou e ficou relaxadona, deitada no meu colo.
Fomos muitas vezes, pena que o Helio só pode nos acompanhar uma única vez.
Fomos ainda à piscina em Fuji. Lugar muito gostoso, bonito e LOTADO.
Mais água no Kodomo no Kuni, uma espécie de Cidade das Crianças. Cheio também, mas valeu, estava muito gostoso. No meio do caminho começou a chover e pensei que teríamos que dar meia volta, mas chegando lá o tempo estava bom e deu pra aproveitar bem. Karina adorou.
Estão pretas minhas meninas. Aliás, eu também me queimei bem, vamos ver até quando dura esse bronzeado.

Com tanto sol Melissa ganhou a primeira marquinha de biquini.



Karina além da marca de biquini, ficou com outras partes brancas.



Ela não queima nas inúmeras dobras que tem nos braços e pernas... rsss...

Read more...

Trocando as bolas

>> segunda-feira, 14 de julho de 2008

Melissa hoje assistindo desenho. tem que falar o nome de todos os personagens que vão aparecendo.
- Ah, olha Freddy.
- Ah, olha Daphne.
- Ah, olha Velma.
- Ah, olha Linguiça e Scooby Doo.
- Não filha, é Salsicha.
- Ah, olha Linguiça e Salsicha.

Read more...

Vapt-vupt

>> sexta-feira, 11 de julho de 2008

Passada rápida para atualizar =p
A postagem de ontem já estava programada, senão não ia ter nada também... rs...
Domingo foi meu aniversário. Não que eu goste de lembrar que entrei na casa dos "enta", mas... o tempo é implacável e continuamos envelhecendo. Cheguei tarde sábado. Ou melhor, cheguei de manhã cedinho (já eram 3 horas) por isso acabei dormindo até tarde. Ainda mais porque o Helio ia entrar de noite também. Neeeeeeeeem passou pela minha cabeça comemorar o dia apesar de ter caído em um domingo.
Mas a Ellen e o Kito vieram em casa e me trouxeram minha orquídea anual e um bolo delicioso que não sobrou nem pra foto.



Depois que ela descobriu que AMO orquídeas, todos os anos ela me dá um vaso com lindas orquídeas que não florescem no ano seguinte. Não sei cuidar de plantas... uma pena...
Karina já está com 3 dentinhos e o quarto começando a despontar. Demorou pra começar a sair, agora está saindo a uma velocidade incrível. Talvez seja por isso que ela anda enjoadinha esses dias. Além da diarréia que não dá trégua. Deu uma melhorada por uns 3 dias, mas voltou. Pelo menos não assou mais a bundinha dela, tadinha.
Essa semana tive que levá-la novamente ao pediatra, a gripe não melhora e ela está rouca. Mais remédios...
Semana passada apareceu a dobrinha no olho direito dela. O olho esquerdo tem uma dobrinha fina que quase nem aparece. Achei engraçado demorartanto pra aparecer, pensei que ela não fosse ter dobrinha. Agora está igual ao pai: dobrinha em um olho só. Vamos ver se mais pra frente muda. Melissa nasceu sem dobrinha e depois de uns 2 meses apareceu nos dois olhos. Estava comentando isso com a Magali e ela falou do Lucas. Nasceu com 2 dobronas que desapareceram nas primeiras semanas, depois ficou dobrinha em um olho só por um bom tempo, agora aos 6 anos tem nos dois olhos. Engraçado isso...
O que não está sendo nem um pouco engraçado é uma construção (destruição) que acontece em um terreno atrás de casa. É o estacionamento de uma fábrica e não sei o que pretendem fazer lá. Outro dia estavam medindo. Hoje logo cedo começou a tremer a casa toda. Pensei que fosse terremoto, pois era uma tremida diferente de quando a base de exército aqui em cima dispara os tiros de canhão (treinamento?). Tremeu demais, já estava pronta pra correr com as meninas daqui, já que estava sozinha, o Helio ainda não tinha voltado do trampo.
Justo essa semana que ele precisa dormir durante o dia começam essa obra. E, como diz o Helio, essa casa não vai agüentar esse treme-treme todo, não. Ela já está tombando pra trás e desse jeito vai afundar de vez. Pensou? Preciso me mudar urgentemente daqui... Como se eu tivesse dim-dim pra isso :ó(



Obra com direito a escavadeira, rolo e britadeira... Vá fazer barulho na pqp...

Créditos:
No primeiro LO:
QP do kit Cherry Blossoms de Kristin Cronin-Barrow
Fonte AL Script Hand

No segundo LO:
Alfas do kit Cause And Effect de Designer Julie Billingsley

Read more...

CD Debut da minha banda

>> quinta-feira, 10 de julho de 2008

Vi no blog da Luma e achei a brincadeira divertida =p

A idéia é criar a capa de um CD através dos seguintes passos:

Meu resultado:



Nome da banda: Wave Velocity
Nome do álbum: The future is here. It's just not widely distributed yet. (William Gibson)
Foto: http://flickr.com/photos/10923905@N02/2608797752/

Read more...

Blogversário: 4 anos de existência

>> quarta-feira, 2 de julho de 2008

Fim da ressaca. Voltei!!!
4 anos de existência e minha comemoração é regada a remédios e nenhum bolo. Família inteira doente, até o médico achou engraçado quando levei o Helio. Não entendo por que homens têm alergia a médicos, só vão quando já não se agüentam mais em pé.
A primeira fui eu, euzinha que fiquei tossindo sem parar e acabou irritando a garganta e daí pra inflamar foi um pulinho. Passei primeiro pra Karina que estava com o nariz escorrendo e com diarréia. Fomos ao médico e ganhamos uma tonelada de remédios. Logo Melissa começou a tossir e a escorrer o nariz. Fiquei só de olho pra ver se piorava. Ela continuou assim, mas Karina começou a vomitar, além de ter assado toda a bundinha dela por conta da diarréia que não melhorava. Nova ida ao médico: Melissa ganhou remédios e veio embora com a Ellen, Karina desidratada teve que tomar soro. Levei de manhã só a Karina e de tarde as duas. Coitadinha foi picada e furada várias vezes. Demorou uma eternidade e eu só ouvindo os gritos dela na salinha ao lado, quando me trouxeram ela estava com dois furinhos em cada mão e um furinho no pé. Perguntei o que significava aquilo e as enfermeiras me disseram que estava difícil achar a veia porque ela se debate demais. Me cortou o coração quando ela olhou pra mim com biquinho e um olhar de "Me salva!". Peguei no colo, ela encostou em mim e, segurando meu dedinho, adormeceu.
Isso aconteceu na sexta-feira e por pouco não tive que voltar sábado pra Karina tomar mais uma dose de soro, mas as duas doses da sexta parece que fizeram efeito.
Ontem o Helio não agüentou mais e voltou cedo do trampo pra poder ir ao médico. Estava com febre desde quinta-feira, mas teimoso só deu o braço a torcer ontem.
Ganhou mais uma tonelada de remédios.



Pior, tenho comprimidos pra tomar 3 vezes ao dia depois das refeições, um pozinho pra tomar antes das refeições (também 3 vezes ao dia), um comprimido pra tomar 2 vezes ao dia e um pra tomar 1 vez ao dia. Da Karina, xarope e pozinho pra tomar antes das refeições. Melissa, xarope e pozinhos antes das refeições, pastilhas 1 vez ao dia e adesivos. Helio, comprimidos antes das refeições, comprimidos e xarope depois das refeições, comprimido pra tomar 2 vezes ao dia, comprimido 1 vez ao dia.
Depois o Helio não entende porque eu fico com os cabelos brancos...





Mas nesse "pequeno" intervalo aconteceram muitas coisas boas, como por exemplo um churrasco que fizemos na casa do Kito pra comemorar o aniversário do Helio, olha aí o amor dos primos dividindo a mesma poltrona.

Aqui um foto da Karina, ela sempre dorme enquanto come, acho isso muito engraçado. Preciso filmar isso. Ela vai comendo e a medida que a barriga vai enchendo ela vai fechando os olhos, no final está abrindo a boca e mastigando já com os olhos fechados e resmungando. É muito engraçado. Comendo as bolachinhas horríveis dela é a mesma coisa, sempre acaba dormindo com a bolacha grudada na boca =p





Sim, essa coisa nojenta é mais um episódio da tentativa de desfralde da Melissa. Ainda bem que fez no chão e não no tapete.

Teve ainda um chá de bebê da Rosângela. Foi muito gostoso, o Akira fez um churrascão.
Chá de bebê geralmente é feito entre mulheres, mas esse os maridos/namorados participaram. Assim, quem pagava os castigos foi o Akira. Claro que Rosângela errou TUDO... rsss...



Agora uma retomada aos scraps, estava com saudades de fazer alguma coisa. Aqui usei QPs por pura falta de tempo.





E entre períodos de posts diários e longos hiatos esse blog vai continuar por mais alguns anos (espero).

Ah! Já estava esquecendo da grande descoberta: Helio não sabe tomar xarope :ó)
Tive que dar o xarope na boca dele, senão ele derramava tudo. Ri demais disso. Parafraseando o escritor Içami Tiba que escreveu em seu livro Quem ama educa:
"O casal quando resolve ter um filho, o homem cria um filho, a mulher cria dois filhos."
Concordo em gênero, número e grau =p

Créditos:
QPs, Papéis e Alphas do Kit Wish on a rainbow de Traci Reed e Fonte Aeolus.

Read more...

Cotidiano

>> quarta-feira, 21 de maio de 2008


Antes e depois
E saga dos objetos quebrados continua, agora foram a geladeira e o ferro. Fiquei p da vida quando quebrou, apodreceu tudo o que estava dentro e estava um fedor danado quando eu abri. Aliás, foi por causa do cheiro que eu vi que estava quebrada. Como não dá pra ficar sem geladeira fomos comprar outra. E isso eu não achei tão ruim assim. Eu tinha escolhido uma bem simples e mais baratinha, mas o Helio achou melhor comprar a que eu gostasse, mesmo que fosse um pouco mais caro. Bom, doeu um pouco o preço mas fiquei muitíssimo satisfeita com minha geladeira novinha em folha.
E foi o Helio que lembrou de comprar o ferro também =p Estava tão preocupada com as coisas apodrecendo dentro da geladeira quebrada que eu nem me lembrei do ferro. Ganhei uma nova também. Coisas pra casa na verdade, coisas pra eu poder "trabalhar" dentro de casa... mas estou feliz :D
Agora estou aqui mudando a paisagem de dentro da casa. Tirei as portas que separam a sala da cozinha assim dá a impressão que a cozinha é maior =p Já não está tão frio e não há mais a necessidade de fechar tudo pra manter o ambiente quente.
Ganhei uma mesa e vou me desfazer da minha mesa/balcão velha de guerra. Gosto tanto dela, mas não tem espaço aqui e preciso urgentemente me desfazer dos trambolhos que entulham essa casa. A geladeira já mudou de lugar, agora é a vez dos armários e do freezer. Estou pensando em dar uma lixada nesse armário, vou ver como fica minha disposição =p
Ontem dei uma ajeitada nas minhas plantas. Acho que finalmente consegui me livrar dos pulgões. Replantei quase tudo e joguei as plantas que acabaram secando mas continuavam a ocupar espaço nos vasos. Fiz de noite e estava infestado de pernilongos lá fora. Melissa ficava fugindo, morrendo de medo e acabou entrando, mas deixou a porta aberta. Entrou um micro sapo e eu quase morri pra conseguir tirar. Pior que fui empurrar com a pazinha que eu estava usando pra mexer na terra e acabei arrancando uma perna do coitado. Quase vomitei e chutei pra fora. Não o encontrei hoje de manhã quando fui regar os vasos, então imagino que não tenha morrido. Não tinha intenção de matar mas também não os quero dentro da minha casa. Criaturas nojentas... Aaaaaaaaaaaaaaargh!!!
Engraçado que depois Melissa ficou:
- Ó sapo! AAAAAAAAAAA!!! Ó sapo! AAAAAAAAAAAA!!!
Como achei mudinhas de manjericão, alecrim, salsa, pimenta, hortelã e melissa fiz vários vasinhos de ervas. Ficou bonitinho e com um ar de coisa fresca. Gostei. Sempre quis um canteirinho de ervas.

Mudando um pouco de assunto vou falar da primeira experiência da Karina com o espelho.
O Helio foi pra frente do espelho com ela no colo. Ela olhava para o reflexo do Helio e virava pra olhar pra ele. Virava pra olhar o reflexo e virava pra olhar pra ele. E aquela cara de quem não está entendendo como o pai está na frente dela com um nenê no colo e está com ela no colo ao mesmo tempo. Muito engraçado. Acho que ainda não entende que o bebê que ela via no reflexo é ela. Mas o pai ela via em dose dupla e não estava conseguindo entender :o)
E falando nela, ontem nasceu o primeiro dente. Vi que estava babando demais ultimamente, mas eu passava Nenedent massageando e não conseguia sentir nada.
Agora também estende os braços quando chegamos perto dela, quando está sentada no carrinho. Safada...

Ontem eu estava limpando a cozinha depois da janta e o Helio estava jogando video game na sala. Melissa sentada no sofá ao lado dele e falava sem parar. Uma hora ele estava concentrado na corrida e não respondeu, ela não perdeu tempo:
- Melissa fez itai itai pepé. Melissa fez itai itai barriga. Você tá ouvindo??? Responde papai!!!

Read more...

Outras cenas

>> sábado, 17 de maio de 2008

Cena 1

- Melissa, não pode fazer xixi no chão. Tem que fazer no banheiro. Tá entendendo? No banheiro!
- No boeiro. Entendendo... Não pode xixi chão. Xixi no boeiro.
- Isso. No banheiro! Kusai kusai no banheiro. Entendeu?

- Kusai kusai no boeiro. Não pode xixi chão. Não pode kusai kusai froooolda. Xixi no boeiro. Kusai kusai no boeiro. Entendeu? Minisha entendeeeeeu...


Melissa fica pelada o dia inteiro, quando sente que vai fazer xixi ou cocô, corre pro quarto, pega uma fralda na gaveta da cômoda, coloca, se tranca no banheiro e vem avisar.
- Minisha kusai kusai, dexovê.
o_O

Cena 2

Desenho do Popeye na tv.
- Mamãe! Coqué?
- Popeye.

- Papai.

- Popeye.
- Papai.

- Po, po Melissa. Popeye.
- Papai. Papai shigoto.
(Papai tá trabalhando)
Aparece a Olivia na cena.
- Papai. Mamãe... Mamãe????? Nãaaaaaaaaaao... Mamãe não.

Cena 3

Karina se esgoelando.
- Ooooooi Kanina, num chora. Pronto pronto... Matete, Minisha já vem.

Read more...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

contador de visitas

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP